Fotos

A Associação Médica de Mato Grosso do Sul (AMMS) ganhou mais uma benfeitoria. No dia 09 de abril, foi inaugurado o anfiteatro da instituição a ser utilizado por diversas especialidades, dentre elas: Pediatria, Ortopedia, Cancerologia, Endocrinologia , Endocrinologia, Medicina Intensiva, Angiologia e Cirurgia vascular e Psiquiatria. “Nossa gestão tem o objetivo de fortalecer a entidade médica e torná-la engajada na educação continuada, juntamente com as sociedades de especialidades”, explicou a presidente da AMMS, Maria José Martins Maldonado, durante seu discurso.Para celebrar o momento, a Orquestra Filarmônica Emannuel, regida pelo maestro Orion Cruz, emocionou os presentes.

Formada há cinco anos por jovens oriundos de diversos projetos sociais, a composição da orquestra tem por objetivo transformar crianças por meio da música. “Apoiamos este projeto disponibilizando o espaco da AMMS para o ensaio da orquestra nas tardes de segunda-feira”, disse a presidente da associação. Além da inauguração do anfiteatro, o artista plástico e ex presidente da instituição, José Roberto Amin promoveu uma vernissage com diversas obras. Estiveram presentes no evento o Secretário de Saúde, Nelson Tavares, o Presidente da Associação Brasileira de Odontologia, Carlos Magno de Oliveira, o vereador Eduardo Cury, o Presidente da Uniprime, Sérgio Furlani, além do Superintendente do Hospital Maria Aparecida Pedrossian, Cláudio Wanderley Luz Saab e Superintendente do Hospital Rosa Pedrossian, Justiniano Vavas. Compareceram também o Deputado Federal Luiz Henrique Mandetta, o presidente do Sindicato dos Médicos, Valdir Shiroma e o doutor Marcos Paulo Tiguman, representando a Unimed.

Diversos temas de saúde são discutidos no XI Congresso da AMMS

Para aprimorar conhecimento e oferecer intercâmbio de informações entre profissionais da saúde, a Associação Médica de Mato Grosso do Sul (AMMS) promoveu a décima primeira edição do Congresso da instituição, que contou com temas revelantes da área médica. O evento aconteceu nos dias 13 e 14 de maio no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo.

Os assuntos foram abordados de forma diferenciada, por meio de mesas redondas de multiespecialidades. A saúde do idoso, por exemplo, um dos temas discutidos no evento, abordou a osteosporose, arteriosclerose e terminalidade nesta faixa etária. Outro tema debatido foi quanto a obesidade, suas complicações, cirurgia bariátrica e o problema durante a infância. 

O atendimento politraumatizado, traumas decorrentes da infância e Manejo Tromboembolismo Pulmonar no Trauma, ainda a Medicina no Esporte e distúrbios relacionados a nova tecnologia finalizaram os tópicos das mesas redondas. 

Para as conferências, os assuntos em destaque foram: Atualização em Terapia Celular, Tratamento de Feridas Complexas e Judicialização da Medicina e Gestão Jurídica dos Riscos Médicos.

“Nossa gestão tem como princípio promover a troca de conhecimentos entre os profissionais da área.”, afirmou Maria José Martins Maldonado, presidente da AMMS. O evento cientifico contou com a colaboração das seguintes Sociedades de Especialidades: Angiologia e Cirurgia Vascular, Endocrinologia, Gastroenterologia, Medicina Intensiva, Ortopedia e Traumatologia, além de Pediatria e Psiquiatria. 

Estiveram presentes no evento as seguintes autoridades: Vice-Presidente da Associação Médica Brasileira, Lincoln Lopes Ferreira; Gerente de Atenção a Saúde da secretaria de saude de Mato Grosso do Sul,  Salim Cheade, Secretário Municipal Adjunto de Saúde, Vitor Rocha Pires de Oliveira, além do vereador José Eduardo Cury.

Prestigiaram ainda o Congresso a Presidente do Conselho Regional de Medicina, Rosana Leite de Melo, Presidente do Sindicato dos Médicos, Valdir Shigueiro Siroma, Presidente da Fundação de Turismo, Nelson Cintra Ribeiro, Presidente da Fundação de Saúde de MS, Justiniano Barbosa Vavas e Diretor Presidente da Fundação de Esporte, Marcelo Miranda.